quinta-feira, 7 de maio de 2009

O bloquinho

O bloquinho de idéias pode ser desfeito com uma marreta absurdamente material.

Subindo do alicerce empírico para a imaginação da cobertura.
Produzido sustenta quilos de idéias.
O bloco constrói com seus poros.
Pintura massa.
Caneta papel.
A porosidade planta da idéia.
Se desfaz com o atrito dos dedos.
O bloquinho memoriza a energia residual esquecida, adormecida.


Para a imaginação da cobertura.
sustentar quilos de idéias.
Constrói com seus poros.
o atrito dos dedos.
a energia residual esquecida
adormecida. subindo do alicerce empírico
Produzindo a porosidade plantada
idéia se desfaz
e o bloquinho memoriza


O blo constrói com seus pós.
A idade porosa da idéia.
Planta do empírico na imaginação coberta de alicerce
O bloquinho adormecido esquece a energia
Pintura massa.caneta papel.
Residual produz idéias a quilos
Sustentados se desfaz
o atrito dos dedos.

19 comentários:

Van & Rica disse...

Addorei , sua imaginação é fantastica.Muito criativa....

Van & Rica disse...

Adorei , fala sobre plantas ideias,memorizar , energias.
Sua imaginação é ótima.Vc como sempre me deixa cada vez apaixonada pelo seu blog.

Fernando disse...

Muito bom!!!
As idéias e seus riscos...

José Antonio disse...

PRIMAAAAA

Olha... eu gostei da primeira frase do que de todo o resto ( eu fiquei quase louco por ficar refletindo) "se idéias são imaterias, o absurdamente material é pra reforçar a idéia de que há algo que possa desfaze-las" (certo? rs) o que me levou a pensar "Quando a criatividade de um poeta, ou mesmo a genialidade de um cientista, não são dependentes do aspecto material?"

Mas ta bem legal... Boa mistura

bjao, Junior!

manuel marques disse...

Penso no acto de escrever. O real é uma retrospectiva: registar recolher nomear esquecer. A mão obedece é uma bobina de seis pontas quando escreve. Esse é o mundo natural do escritor

(Ana Hatherly )

A sua imaginação é fértil,parabéns.

Abraço.

André Lobão disse...

Pô tá demais hein...

Que viagem é essa?

crisemocional disse...

Li e fico cada vez mais orgulhosa de vc!!!!!!Poética, sensivel e fazendo com q eu filosofe cada vez mais.rs

Carol Bonando disse...

Tanto o bloco de papel quanto o encefálico
Uma marreta destrói
Mas o massa de tudo é que a massa pintada
De energia, que seus dedos atritam na pintura,
Que só o poro sente...
Desvia a marreta que a caneta pintou na sua primeira linha
E somente as Sete de energia
Guardam o que a massa desfeita dos meus dedos fizeram
Com esta mesma tinta que hoje tu pintas
Com seus dedos de arte no papel...
E com seus Sete na beleza de tua mente...

Bjos de um dos meus 7

Bjos Bjos Bjos
PAPAI

Carol Bonando disse...

a postagem acima, foi feita por mim, pq meu pai nao conseguia postar um comentário, entao ele mandou por email e pediu este favor!
Gente, que obra!!!
Meus pais são minhas inspiração... só pode ser!
AMO VOCES!!!
Obrigada por tudo.

sergiomatsuura disse...

Feliz por ti! Enfim, pude ler um novo texto seu! Pena não poder aproveitá-lo em sua plenitude pelo meu estado alcoólico momentâneo...

Um beijo grande no seu coração, do seu sempre amigo,

Sérgio Matsuura.

Juca disse...

Conseguimos!!!

Nilson Barcelli disse...

A sua criatividade está aqui bem patente. A sua escrita é maravilhosa, pena é que o faça tão poucas vezes...
Querida amiga, tenha um bom fim de semana.
Beijo.

Nilson Barcelli disse...

Querida amiga
Como não tenho o endereço do seu e-mail, digo mesmo por aqui.

Depois de fazer o login no blogger, vai clicando em:
Definições
Comentários
E depois escreve o texto que quiser em
Mensagem do formulário de comentários
Como vê é muito simples...

PS: para ajudas ou outros assuntos do género, agradeço que não o faça nos comentários.
No meu perfil tem o meu endereço...

PS2: se quiser, pode apagar este comentário depois de seguir as instruções...

Bom fim de semana
Beijo

Vivian Portela disse...

Carol, você é a simplicidade da complexidade!!


Retornando as inspirações, agora faltando tempo.

Beijão

Nilson Barcelli disse...

À falta de novo post, desejo a vc um excelente resto de semana.
Beijo.

Nilson Barcelli disse...

Tanto tempo sem post querida amiga.
Espero que esteja tudo bem com vc.
Beijo.

▒▓█► JOTA ENE ® disse...

Amiga, desaparecida em combate?

Abç_____fotografado

bruno nobru disse...

adorei as imagens que seus textos criaram em mim ou que minha mente criou de seus textos ou que meus poros poraram de meu corpo ou que meu eu me seu de mim

Ângelo disse...

Um dos melhores jogos de palavras que já vi. Simplesmente fantástico.